21 de março de 2006

É o fim da picada!

Eu era mais feliz quando: ficava preocupada com os cachos do meu cabelo (sim, porque por um bom tempo minha mãe me obrigava a fazer permanente); comprava roupinhas da moda (sim, porque um dia fui magra); só pensava no próximo bailinho de quintal do próximo sábado quando eu ia usar lápis no olho; lia Sidney Sheldon; ouvia Antena 1 e sonhava com o príncipe encantado; era uma alienada e não pensava em mais nada; lia revistas de moda... mas daí tudo mudou quando: passei a ler jornal, a ver telejornal todos os dias, a ler revista Veja, a não me cuidar tanto assim, a deixar as coisas acontecerem sem muitas perspectivas e outras 'cositas más'.
Bom, claro que, não podemos deixar essas realidades nos abater e nos derrubar. Então, passei a ler somente Ilustrada e Caderno 2, ir pro final da revista Veja, ver somente canais de filmes e seriados e novelas. Ler romance romântico e voltei a ouvir Antena 1 e Alpha FM.
Muito bem.
Quando sem querer eu ouço que uma menina está presa há três meses por ter roubado margarina no mercado. Veja bem, uma moça que sustenta a família inteira, está presa por ter roubado margarina no mercado. O governo tem um custo de R$700,00 por mês com um preso e ela está presa há três meses = R$ 2.100,00. Enquanto que, pessoas que roubaram dinheiro público estão soltas, respondendo algumas CPIs que poderá acabar em pizza. Como é que a gente pode ser feliz com tanta realidade desse jeito? E, depois, aquele documentário do Fantástico no domingo passado quando o cara pergunta pro menininho o que ele quer ser quando crescer e ele responde: eu quero ser bandido. Ah! Faça-me o favor!
Vou me enfiar no meio do mato, viver na natureza com meus bichinhos, sem luz elétrica.

7 comentários:

elaine disse...

Oi Marcia!pois é,tem pessoas que dizem que acham que quem não assisti e le jornal,não tem cultura,ou fecha os olhos pra realidade do país,pode até ser,mas eu prefiro não ver,porq só passo raiva,é a mesma coisa que ve BBB,eu não vejo,porq me ira ver a falsidade e todos os outros defeitos...,que ponto uma pessoa chega ai no brasil né,ter que roubar uma margarina!!Isso q eu gosto aqui no nihon,quase todos tem a mesma classe social e com o que ganham sobrevivem...,já ai né!!beijos

Márcia disse...

Pois é Elaine fiquei superchateada e revoltada com essa situação. É o fim da picada mesmo e se desse eu já estaria aí no Nihon ou em outro país um poquinho melhor faz tempo, viu? Sei que todos os lugares tem seus problemas mas aqui é realmente um país muito desigual e INJUSTO...Beijão!

Júnia disse...

É, Márcia, infelizmente não tá dando mais pra acreditar no Brasil. Sabe que hoje eu vi numa loja um monte de coisinhas com a bandeira do Brasil, tipo camiseta, brinco, colar, caneta,porta-retrato, tudo em função da Copa. A minha reação, infelizmente, foi de repúdio. Em momento algum eu pensei na Seleção. Só me veio à mente essa situação de desigualdade e impunidade cada dia mais sem-vergonha de aparecer. Depois do documentário "Falcão - Meninos do Tráfico", eu não posso vestir uma camisetinha toda bonitinha com a bandeira do Brasil e comemorar um gol do Ronaldinho Gaúcho... Bjs.

Márcia disse...

Júnia, eu ia fazer um gorrinho verde e amarelo mas aí desanimei (pelo menos por enquanto). É tanta coisa né? E ao mesmo tempo é uma pena porque um país como esse tão imenso, com um pouco tão caloroso, alegre mas... Beijão.

Anônimo disse...

Sabe Márcia, já que vc comentou da menina que roubou um pote de margarina, eu acho que a lei "deveria" ser igual à todos, certo? Ela roubou? Então, tem que pagar pela sua imfração. Não é um absurso eu acho. E claro, por ser Brasil, um bando de corruptos, ladrões, mau caráter, estão dando risada na nossa cara, e livres, leves e soltos, aí sim é um absurdo. Só aqui!! É isso aí...
Beijocas,
Madoka

Anônimo disse...

Sabe Márcia, já que vc comentou da menina que roubou um pote de margarina, eu acho que a lei "deveria" ser igual à todos, certo? Ela roubou? Então, tem que pagar pela sua imfração. Não é um absurso eu acho. E claro, por ser Brasil, um bando de corruptos, ladrões, mau caráter, estão dando risada na nossa cara, e livres, leves e soltos, aí sim é um absurdo. Só aqui!! É isso aí...
Beijocas,
Madoka

Márcia disse...

Má, sim também acho que roubou, matou tem que ser preso... mas todos que fazem isso, TODOS!!!